ARENA BRUTA – Rodeio com mais conteúdo

O melhor conteúdo sobre o verdadeiro esporte do Cowboy

WNFR Las Vegas 2012 – Round 6

A NOITE DE TERÇA-FEIRA TERMINOU COM A VETERANA MARY WALKER ASSUMINDO PELA PRIMEIRA VEZ A LIDERANÇA NOS TRÊS TAMBORES E DANDO UM IMPORTANTE PASSO A CONQUISTA DO TÍTULO DA TEMPORADABlog Arena Bruta NFR 2012

 

(por @HenRiQue_Bad) O sexto Round da National Finals Rodeo aconteceu na noite desta terça-feira, com mais um recorde de público. Restando quatro noites para a grande decisão da temporada, em algumas modalidades como os Três Tambores parece já ser fácil apontar quem levará a fivela de ouro em 2012, mas em outras como o Bulldog a decisão vai mesmo para a última noite, ou provavelmente a última apresentação da competição. A NFR é a Final Mundial da PRCA – Professional Rodeo Cowboys Association e reúne em 10 dias os 15 melhores atletas de cada modalidade, que disputam mais de US$ 6 milhões em prêmios.

TRÊS TAMBORES (Barrel Racing)

Mary Walker deu um importante passo rumo a seu primeiro título mundial na modalidade. A competidora que disputa sua primeira NFR fez o segundo melhor tempo da noite e assumiu a liderança do ranking pela primeira vez na carreira, depois que a então líder, Brittany Pozzi derrubou um dos tambores. Walker também foi favorecida pela Tri-Campeã Sherry Cervi, que liderava o evento, mas não completou a prova e agora está entre as quatro melhores, mantendo chances de garantir a fivela mesmo antes do Round 10, devido a sua posição. O melhor tempo da noite foi de Carlee Pierce, 13.51 segundos, melhor tempo de todos os Round’s até agora. A liderança da competição passou para as mãos de Kaley Bass, que assim como Nikki Steffes e Brenda Mays ainda não derrubou nenhum tambor nas seis noites.

Mary Walker assume a liderança nos Três Tambores e tudo continua jogando a seu favor nos quatro Round's restantes

Mary Walker assume a liderança nos Três Tambores e tudo continua jogando a seu favor nos quatro Round’s restantes

LAÇO DO BEZERRO (Tie-Down Roping)

Nem Tuf Cooper nem Justin Maassn conquistaram premiação nesta terça-feira e o ranking mundial segue com Cooper US$ 5.475 a frente de Maass. A vitória na noite foi dividida entre Ryan Jarret e Clint Robinson, com o tempo de 7.20 segundos. Aliderança da competição agora é de Monty Lewis, que também subiu para a quinta colocação no mundial. Adam Gray e Justin Maass vem na seqüencia,enquanto que Tuf Cooper, que teve sua segunda noite consecutiva sem premiação, ocupa a quarta colocação no mundial. Pelas projeções, hoje o campeão mundial seria Maass.

 

SELA AMERICANA (Saddle Bronc)

Apesar de não assumir a liderança real do ranking, Wade Sundell abriu uma certa vantagem sobre Jesse Wright e seria o campeão se a modalidade terminasse dessa forma. Sundell dividiu o prêmio de melhor nota da noite, 84 pontos, com o Bi-Campeão Mundial Taos Muncy e agora está a US$ 24 mil de diferença para o líder. Com uma parada a mais que o concorrente, Wade Sundell segue em segundo lugar na classificação da NFR, o que lhe daria o título se somado a premiação final do evento. A liderança é de Cody DeMoss, que não ganhou nenhuma premiação ontem, mas se mantém como o único competidor da modalidade que parou os oito segundos em todos os cavalos até agora. DeMoss está a quase US$ 49 mil do líder e já não depende somente dele para conquistar seu primeiro título, porém continua firma na briga.

Depois de cair duas noites seguidas, Taos Muncy vence o Round 6 na Sela Americana

Depois de cair duas noites seguidas, Taos Muncy vence o Round 6 na Sela Americana

LAÇO EM DUPLA (Team Roping)

Colby Lovell e Russell Cardoza marcaram o melhor tempo da modalidade até agora, 3.50 segundos e ficaram com as fivelas de campeões do Round 6. Lovell e Cardoza permanecem sem erros na competição e ocupam a terceira colocação, atrás apenas de Chad Masters e Clay Tryan que lideram com um total de 43.90 segundos e Keven Daniel e Chase Tryan, que aparecem na segunda colocação. Trevor Brazile e Patrick Smith fizeram a segunda melhor laçada da noite e aumentaram suas respectivas vantagens sobre seus concorrentes nas categorias “cabeceiros” e “pezeiros”. Brazile e Smith ocupam a sexta colocação na NFR e hoje seriam os campeões da modalidade pelas projeções.

MONTARIA EM TOUROS (Bull Riding)

Somente quatro dos 15 competidores conseguiram obter nota na noite. A melhor montaria foi de Beau Schroeder, com 89 pontos. Foi a quarta parada de Schroeder e ele lidera o evento com 343.50 pontos. O outro único a parar quatro vezes até agora é Seth Glause, que aparece em segundo com 336 pontos. J.W. Harris e Trevor Kastner aparecem nas terceira e quarta posições respectivamente, ambos com três paradas. Cody Teel caiu novamente e se mantém em segundo lugar no ranking com US$ 7.188 atrás de Harris. A noite também marcou a primeira montaria válida de Kanin Asay, que caiu dos cinco primeiros animais que montou. O estreante Cody Samora e Tate Stratton¸ que disputa pela segunda vez a NFR são os únicos que caíram de todos os touros que montaram.

O novato Beau Schroeder vence o Round 6 na Montaria em Touros e assume a liderança da NFR 2012

O novato Beau Schroeder vence o Round 6 na Montaria em Touros e assume a liderança da NFR 2012

BULLDOG (Steer Wrestling)

Luke Branquinho marcou o quinto melhor tempo da noite e segue na liderança absoluta do ranking, com US$ 12 mil a frente do segundo colocado. Porém, pelas projeções, que somam as premiações da classificação final do evento, hoje o campeão mundial seria Les Shepperson, que se manteve na liderança da NFR após marcar o melhor tempo do Round 6. Shepperson dividiu a vitória com Gabe LeDoux, que está em segundo na classificação do evento.

BAREBACK (Bareback Riding)

O Round de ontem foi fundamental para uma decisão da modalidade mesmo antes da nite de sábado, quando acaba a NFR. Kaycee Feild fez a segunda melhor nota da noite e abriu mais de US$ 37 mil de vantagem para Will Lowe, que obteve nota mas ficou fora da faixa de premiação, que contempla apenas os seis melhores da noite. Com o dinheiro ganho, o atual campeão mundial da modalidade entrou para o seleto grupo de atletas que já embolsaram US$ 1 milhão na PRCA. Com a nota baixa, Lowe caiu para a quarta posição na classificação do evento, que é liderado exatamente por Field. Além da diferença no ranking, Will Lowe precisa tirar a diferença no evento, que hoje é de 16 pontos, se ainda quiser sonhar com seu quarto título mundial. Em uma análise rápida, nos quatro Round’s restantes, ele precisa obter notas maiores que Feild e ainda torcer para que seu concorrente não ganhe dinheiro em algum Round, tarefa um tanto quanto improvável. A vitória na noite foi do estreante Winn Ratliff, que conquistou seu segundo cheque na NFR. Ratliff é agora o sétimo colocado no ranking mundial.

A vitória no Bareback ficou com o novato Winn Ratliff

A vitória no Bareback ficou com o novato Winn Ratliff

Fotos: PRCA – Mike Copeman

PATROCÍNIO

CORDAS PRECISION - Tecnologia e evolução a favor do esporte

CORDAS PRECISION – Tecnologia e evolução a favor do esporte

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 12 de dezembro de 2012 por em National Finals Rodeo - Las Vegas 2012, PRCA.
%d blogueiros gostam disto: