ARENA BRUTA – Rodeio com mais conteúdo

O melhor conteúdo sobre o verdadeiro esporte do Cowboy

PBR Albuquerque 2012

ALBUQUERQUE, “O EVENTO DO TY MURRAY” É UM DOS MAIS TRADICIONAIS E DISPUTADOS DA TEMPORADA E MAIS UMA VEZ O QUE NÃO FALTOU FOI EMOÇÃO COM TROCA NA LIDERANÇA, ACIDENTES E MUITAS MONTARIAS DE TIRAR O FÔLEGO

 

(por @HenRiQue_Bad) Neste fim de semana, tivemos a prova definitiva de que 2012 terá o título mais disputado de todos os tempos. J. B. Mauney conquistou sua terceira fivela na temporada, mas Valdiron de Oliveira não deu nenhum minuto de sossego ao americano e mesmo terminando o Ty Murray Invitational em segundo lugar assumiu a liderança do Mundial. J. B. entrou na Final em segundo lugar brigando pela vitória com LJ Jenkins, que buscava sua terceira vitória no evento nos últimos cinco anos, mas LJ caiu de RMEF Gunpowder & Lead (Jeff Robinson) na última montaria da noite e Mauney que havia marcado 90.75 pontos em Puro Smoke (Ohl / Beshears / KC) terminou como o único invicto e uma premiação total de US$ 39.150. Antes deste fim de semana ele havia caído dos seus últimos sete touros devido a uma lesão no polegar da mão de montaria. Montando sem poder usar a força do dedo ele disse que ainda sente dores mas não quer passar por cirurgia. “A dor não é tão ruim quando a gente vence o touro,” completou o competidor. O americano chegou em Albuquerque na liderança e mesmo com a vitória foi ultrapassado por Valdiron de Oliveira, pois ficou sem nota no PBR 15/15 Bucking Battle, que não valeu para a classificação do evento mas somou pontos dobrados para o Ranking Mundial. Valdiron caiu do Round 2 que contava pontos para o evento, mas ficou em terceiro na “batalha” enquanto Mauney não somou nenhum ponto e ter “garrado” firme na hora certa colocou o goiano de novo na liderança do Mundial por apenas 64.75 pontos. Líder por três semanas seguidas em janeiro Valdiron de Oliveira voltou a ser o número 1 do mundo também graças aos 90 pontos conquistados na Final sobre o touro Jr. Bonner (West Coast), que nunca havia sido montado em 22 tentativas na carreira.

 

LJ Jenkins montando RMEF Gunpowder & Lead na Final

LJ Jenkins terminou em terceiro lugar e deixou escapar a chance de igualar a marca do Campeão Mundial Mike White, único a vencer este evento três vezes. Jenkins venceu em Albuquerque em 2008 e novamente no ano passado, igualando o feito de Justin McBride, o outro único Bi-Campeão na cidade em 16 edições do evento. Harve Stewart e Justin Koon fecharam o TOP 5 do fim de semana e os Campeões Mundiais Guilherme Marchi em oitavo e Renato Nunes em 10° foram os outros brasileiros entre os 10 melhores, mas Marchi não montou na Final. Durante o Round 3, que antecedeu a Final o brasileiro foi atingido pelos chifres do touro Dark Shadown e sofreu uma concussão (perda parcial dos sentidos) além de uma pequena laceração do couro cabeludo. Ele foi substituído no Round Final por Austin Meier, que como não obteve nota, continuou na 11ª posição. Meier ficou fora do PBR Bucking Battle no sábado depois de ter levado uma pisada no ombro durante o Round 2, mas no domingo já estava recuperado. Outros dois brasileiros sofreram acidente no fim de semana. Renato Nunes teve uma concussão na primeira noite, mas se recuperou e chegou entre os 10 melhores do evento. Paulo Lima, que voltou a principal divisão da PBR como convidado por ter vencido um evento da divisão de acesso teve uma luxação no dedo polegar ao cair no chão no Round 1. O ferimento foi na mão de equilíbrio, que não impediu de montá-lo no sábado, mas na última noite de competição o brasileiro decidiu não montar. A lista de ferimentos em Albuquerque não parou por ai. Ryan McConnell também não competiu na última noite devido ao agravamento de uma lesão no pescoço que deve o deixar de fora por mais uma semana e Justin Koon teve uma lesão no tríceps na primeira noite mas continuou competindo e terminou em quinto lugar. Mas os casos mais graves aconteceram com dois Campeões Mundiais. Chris Shivers, que esteve competindo em Albuquerque pela última vez em sua carreira deve ficar afastado das arenas por até quatro meses. O Bi-Campeão Mundial teve uma fratura na clavícula depois de tomar três pancadas seguidas do touro Jack Daniel’s After Party (Circle T Ranch) durante o PBR Bucking Battle. O Campeão Mundial da PRCA, Shane Proctor foi a Albuquerque mas acabou nem entrando na arena. Proctor sofreu uma lesão no ombro na semana anterior quando competia em Houston e após ser examinado pelo médico da PBR ficou constatado que ele havia sofrido uma sub-luxação que deve deixá-lo afastado das arenas por tempo ainda indeterminado.

 

Valdiron de Oliveira montando Jr. Bonner na Final

Albuquerque recebeu a elite da PBR pelo 16° ano consecutivo, perdendo apenas para Billings, que já realizou 17 eventos na lista de maior sede do Mundial. Com isso, a cidade já teve o privilégio de receber todos os maiores competidores da história da PBR, desde Tuff Hedeman, Troy Dunn, Jim Sharp, Adriano Moraes, passando por Justin McBride, Ross Coleman até chegar as feras de hoje como Silvano Alves, Valdiron de Oliveira, J. B. Mauney e muitos outros. Excepcionalmente estavam previstos a participação de 36 competidores no evento, ao invés dos 35 habituais. Emílio Resende, que havia estreado uma semana antes como convidado, ganhou mais uma chance depois de seu bom desempenho em Glendale. Quem também voltou foi Paulo Lima, que havia sido cortado após o quinto evento, mas ganhou um convite após uma vitória no Touring Pro Division. Na sexta-feira a tarde, Travis Briscoe foi chamado para substituir Shane Proctor e fez sua estréia na temporada já que não montava em um evento desde setembro do ano passado. A única estréia do fim de semana foi de Shawn Best II, competidor do estado de Washington que caiu dos três touros que montou em Albuquerque. Best é amigo de infância de Shane Proctor e foi seu pai que ensinou o Campeão as primeiras lições emcima de um touro. Segundo Proctor eles chegaram a se enfrentar em duas lutas em campeonatos de luta livre quando ainda estavam no colégio, mas dentro da arena nunca puderam competir juntos. Os melhores touros que estiveram em Albuquerque foram colocados no PBR 15/15 Bucking Battle e foi de lá que saiu o Campeão do evento. Bushwacker, que fez sua segunda apresentação no ano, depois de passar por cirurgia nas patas trasseiras e foi o melhor touro do evento com 46.50 pontos ao derrotar Jordan Hupp. O melhor Touro de 2011 teve uma apresentação diferente do seu habitual. O touro de quase 800 kg saiu do brete jogando seu corpo para a esquerda e antes que seus pés batessem no chão ele estava voltando para a direita. Esse desempenho impressionou até seu treinador, Kent Cox, que admitiu estar receoso sobre seu potencial após a cirurgia mas que agora tem plena certeza que ele ficará cada dia melhor. Jack Daniels After Party, Rango e Smackdown dividiram a segunda posição com 45.75 pontos cada um.

 

COL. FINAL – ALBUQUERQUE

1 – J. B. Mauney – 351,50 pontos

2 – Valdiron de Oliveira – 265,50 pontos

3 – LJ Jenkins – 261,75 pontos

4 – Harve Stewart – 261,00 pontos

5 – Justin Koon – 254,50 pontos

6 – Douglas Duncan – 175,25 pontos

7 – Kody Lostroh – 174,75 pontos

8 – Guilherme Marchi – 174,00 pontos

9 – Travis Briscoe – 171,75 pontos

10 – Renato Nunes – 171,25 pontos

 

RANKING PARCIAL – 12 EVENTOS

1 – Valdiron de Oliveira – 5.177,25 pontos (+1)

2 – J. B. Mauney – 5.112,50 pontos (-1)

3 – Silvano Alves – 4.024,50 pontos (+1)

4 – Marco Antônio Eguche – 3.815,25 pontos

5 – Renato Nunes – 3.486,75 pontos

6 – Austin Meier – 3.232,50 pontos

7 – LJ Jenkins – 2.966,50 pontos (+3)

8 – Justin Koon – 2.763,75 pontos

9 – Ryan Dirteater – 2.686,75 pontos (-2)

10 – Guilherme Marchi – 2.596,50 pontos (-1)

Outros Brasileiros

24 – Fabiano Vieira – 1.317,50 pontos

25 – Robson Palermo – 1.294,50 pontos (-2)

32 – Elton Cide – 721,75 pontos

33 – Rubens Barbosa 682,25 pontos

34 – Paulo Lima – 677,75 pontos

39 – Emílio Resende – 374,50 pontos (+3)

40 – Douglas Ferreira – 369,75 pontos (-1)

 

Fotos: PBR.com

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 28 de março de 2012 por em PBR 2012.
%d blogueiros gostam disto: