ARENA BRUTA – Rodeio com mais conteúdo

O melhor conteúdo sobre o verdadeiro esporte do Cowboy

PRCA Tucson-Arizona

PRCA TUCSON / ARIZONA

(by @HenRiQue_Bad)

A La Fiesta de Los Vaqueros foi o primeiro grande evento ao ar livre da agenda da PRCA e contou com 670 competidores e competidoras filiados a entidade em busca de uma premiação de US$ 420 mil. O brasileiro Adriano Moraes foi Campeão do evento em 1993, marcando sua carreira como a primeira vitória em um grande Rodeio fora do Brasil. O evento, realizado em Tucson, cidade de 486 mil habitantes, próximo a fronteira com o México, é um dos mais importantes eventos culturais do estado  do Arizona e é famoso por realizar o maior desfile eqüestre do mundo, que reúne cavalos, cavaleiros, carroças e carros alegóricos, reunindo cerca de 200 mil espectadores. O desfile deste ano teve uma particularidade: seis cavalos desfilaram sem cavaleiros, para homenagear os mortos no atentado a uma deputada da cidade, ocorrido no dia 08 de janeiro deste ano.

BAREBACK

O Campeão Mundial de 2004, Kelly Timberman fez a maior nota das classificatórias, 86 pontos, montando Red Ears (Bar T Rodeo). Na final, o competidor montou Oakey Robin (Bar T Rodeo’s) e com uma belíssima apresentação de 89 pontos, conquistou sua primeira fivela na cidade, somando 175 pontos em duas apresentações. Em segundo lugar empataram Dusty LaValley e Bobby Mote com 169 pontos cada. Mote, que é o atual Campeão Mundial retornou as arenas neste evento, depois de passar quase 40 dias se recuperando de uma cirurgia reparadora de uma hérnia.

BULLDOGGING

Com duas classificatórias antes da final, o Bulldogging teve como vencedor o Cowboy Completo Josh Peek, que já havia conquistado o Título do evento em 2007. Peek, que recentemente ultrapassou a marca de US$ 1 milhão em prêmios, fez o segundo melhor tempo das Finais, mas foi o melhor na media geral, com 13.6 segundos acumulados. Em segundo lugar ficou Kyle Hughes, seguido do vencedor da Final, Tommy Cook.

LAÇO EM DUPLA

Eric Rogers e Kory Koontz que haviam ficado em segundo lugar na cidade de San Angelo na noite anterior, fizeram o segundo melhor tempo da Final de Tucson, mas na media de três apresentações garantiram a vitória, embolsando US$ 3.718 cada um. Keven Daniel e Caleb Twisselman fizeram a melhor apresentação entre os finalistas, mas fecharam o evento com a segunda colocação, ganhando US$ 3.233 cada um.

SELA AMERICANA

O australiano Sam Spreadborough venceu a Final montando Son of Side (Bar T Rodeo’s) com 86 pontos, mas a vitória ficou com Tyler Corrington, que somou 166 pontos em duas montarias. Com a premiação ganha em Tucson, Corrington, que nunca se classificou para a Final Mundial, atingiu a quinta colocação no ranking de 2011. Sam, somou 164 pontos e terminou na segunda posição, seguido de Bradley Harter, com 163 pontos.

LAÇO DO BEZERRO

Ryan Jarret laçou o bezerro com 13.5 segundos na Final de Tucson, mas fechou o evento com uma média geral de 10.6 segundos por laçada e garantiu a vitória. Jarret, que foi o único competidor a conquistar o Título de Campeão Mundial All-Around Cowboy (Cowboy Completo) além de Trevor Brazile desde 2002, superou a marca de US$ 1 milhão em prêmios na carreira com os cheques ganhos em Tucson. O segundo colocado foi Monty Lewis, Campeão Mundial de 2004, com a media de 10.87 segundos por apresentação.

TRÊS TAMBORES

Brittany Pozzi fez o melhor tempo nos dois dias que esteve disputando as classificatórias em Tucson, e depois de conquistar a vitória em San Angelo/Texas no sábado, a competidora Bi-campeã Mundial retornou a arena do La Fiesta de Los Vaqueros para correr a Final no domingo. Com um tempo de 17.40 em sua última apresentação, a texana garantiu sua terceira Fivela na cidade (2007 – 2009 – 2011), embolsando US$ 8.586. Christina Richman e Tracee Young empataram na segunda colocação.

MONTARIA EM TOUROS

Jacob O’Mara, segundo melhor Novato da temporada 2010, foi o segundo no Round do dia 25, atrás de Chris Roundy, que marcou 91 pontos e entrou na Final com a melhor nota das quatro classificatórias. No último dia de competição, O’Mara marcou 89 pontos em Black Cat (Bar T Rodeo’s), animal que havia derrubado seus últimos 19 desafiantes e acumulava 34 apresentações e só duas paradas na carreira. Com esta montaria, o competidor de 19 anos conquistou sua primeira vitória em um grande Rodeio da PRCA, somando 176 pontos e US$ 7.286 em duas montarias. Em segundo lugar ficou o ainda desconhecido Guytin Tsosien com 170 pontos, seguido do Campeão Mundial Wesley Silcox, com 169 pontos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 5 de março de 2011 por em PRCA.
%d blogueiros gostam disto: